Preenchimento Facial postado em 01/04/2018, atualizado em 31/10/2019.

img

Esse procedimento preconiza a introdução de uma substância compatível com a pele no local a ser tratado. Essa substância irá preencher o local, provocando um levantamento parcial e também irá estimular as fibras colágenas preexistentes. A duração do resultado dependerá da substância que for utilizada, pois existem materiais permanentes e não permanentes.

O objetivo principal deste procedimento estético é com relação ao sulco nasogeniano, conhecido popularmente como “bigode chinês”, que são as rugas que se localizam acima e lateral aos lábios e trazem uma aparência mais envelhecida a face. A grande vantagem desse procedimento, é que ele é não-invasivo, ou seja, pode ser feito no consultório, sem necessidade de internação em hospital e é rápido.

Dessa maneira, o preenchimento facial é uma boa opção para quem não deseja se submeter a uma cirurgia plástica mais complexa, ou não pode se ausentar do trabalho por conta do período do pós-operatório. A substância mais utilizada para preenchimentos é o ácido hialurônico, que é o componente natural da pele e responsável por sua hidratação.

Essa substância não é definitiva, e é compatível com a pele.

Existem outras substâncias usadas nos preenchimentos: colágeno (não definitivo), metacrilato (definitivo) e acrilamida (definitivo), entre outros. Em relação ao produto a ser aplicado, é necessário saber da sua aprovação e legalização pelo Ministério da Saúde. O preenchimento é feito em consultório adequado para tal.

Os instrumentos têm assepsia específica e as roupas devem ser apropriadas. O local deve ser confortável, iluminado e silencioso. Não há necessidade de preparo anterior para realizar o preenchimento.

É feita anestesia local ou mesmo aquela semelhante ao dentista, dependendo da área a ser tratada. Em seguida, o médico utiliza uma agulha de tipo especial para aplicar a substância. A aplicação é realizada na área escolhida previamente, respeitando as quantidades máximas para cada tipo de produto. No pós-operatório pode haver vermelhidão, inchaço e formação de hematomas.

Esses efeitos vão depender da idade do paciente, da quantidade aplicada, da substância utilizada e de suas condições genéticas. O resultado final do preenchimento poderá ser observado cerca de 15 dias após o procedimento. A duração desse resultado dependerá muito do material utilizado e da resposta do paciente.

É importante esclarecer com o médico qual o melhor preenchedor, a indicação de cada preenchimento, quanto pode haver de melhora e a duração do resultado. Lembrar que os preenchedores servem para melhorar e atenuar os sulcos, rugas e cicatrizes e que podem ser associados a outros tipos de tratamentos.